Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

francisfotopoesiaeimagem

francisfotopoesiaeimagem

MEDITAÇÃO AO VENTO...

Meditação ao vento....jpg

MEDITAÇÃO AO VENTO...

Sei-me descendente da Mãe Natureza,
Apadrinhado pelo planeta Terra,
Ambos na mais simbiótica certeza
E chegado a altura de findar a guerra...
Sento-me por algum penhasco e falo,
Escutando todo este idílico templo
E, sempre que o cosmos fala, tanto me calo,
Em respeito a tal altar do mundo e amplo...
Falo ao Universo e oiço as respostas,
Aconselham-me as brisas, num sussurro,
Enquanto o vento me acaricia as costas,
Em palavras sãs, chamando-me de burro...
Tal asno sou, andando em duas patas,
De pequenas orelhas, que nada ouvem,
Irmão de outras bestas e demais ingratas,
Que ao cimo da Terra, à solta, se movem...
Acalmam-me os conselhos do vento,
Fala-me o derradeiro verde das árvores,
O bater das ondas, contra a rocha feita assento
E trazendo-me segredos de quantos alvores...
Silvam ares, criando poéticos corredores de aves,
Nos seus diários voos e que a mim se acostam,
Confessando prenúncios deveras graves,
Que os homens jogam, em erros que apostam...
Eu próprio confesso alguns meus pecados,
Ao celeste espaço, pintado de soberbo azul,
Mas que se vai desfazendo aos bocados,
Por ventos que o ditam, de norte a sul...
Ergo-me sobre a fraga, olhando o horizonte,
Questionando, ao Sol, o que será do homem,
Ao que logo responde que tal anda a monte,
Sendo escassos os sinos e pelo qual dobrem...
Então escuto os peixes, no mais belo sermão,
Enquanto observo as gaivotas que passam
E volto-me para terra, procurando uma mão,
Uma pata, aquela asa, num saudar que me façam!...
Enquanto tudo me vai ficando pelas encostas,
Sigo o meu caminho, em conversa com o cosmos,
Querendo acreditar na mais bela das apostas...
Um dia, o mundo será o que de melhor formos!...

( Manuel Nunes Francisco ©® )
( Imagem da net )
Todos os Direitos de Autor reservados e protegidos nos termos da Lei 50/2004, de 24 de Agosto - Código do Autor. O autor autoriza a partilha deste texto e/ou excertos do mesmo, assim como a imagem inédita, se existente, desde que mantidos nos seus formatos originais e obrigatoriamente mencionada a autoria da obra intelectual.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub