Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

francisfotopoesiaeimagem

francisfotopoesiaeimagem

ESTA MINHA ESCRITA

Este Che.jpg

ESTA MINHA ESCRITA

 

Para vos encontrar,
Bastam as pedras da calçada e rastejar,
Como muitos e não beber mais nada
Que o azedo da palavra que me é dada.

 

Basta-me descer a esse nível,
Aceitando tudo o que me é dito,
Mesmo o que não seja concebível
E por ser de tão maldito...

 

Basta-me engolir o que me é dado,
Comer à mão de qualquer,
Tornar-me num desgraçado,
Fazendo, de mim, o que quem quiser.

 

Escrever o que me ditarem,
Não na minha, mas na sua métrica
E ditando-me o que mais tiverem,
Como se palavras de aritmética.

 

Mas não, nunca conseguirei ser assim,
Sendo eu mesmo e fiel a mim,
O que sempre fui, o que sou
E a que ninguém me moldou.

 

Recto, convicto e anarca, quanto basta,
Animal de corrida, na pior competição,
Corcel majestoso, feito besta,
Sempre que me tiram da razão...

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )
( Imagem da net )
Todos os Direitos de Autor reservados e protegidos nos termos da Lei 50/2004, de 24 de Agosto - Código do Autor. O autor autoriza a partilha deste texto e/ou excertos do mesmo, assim como a imagem inédita, se existente, desde que mantidos nos seus formatos originais e obrigatoriamente mencionada a autoria da obra intelectual.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D