Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

francisfotopoesiaeimagem

francisfotopoesiaeimagem

ASAS DE LUTA

francisfotoPRO - Fotografia / Fotógrafo Independente - Manuel Nunes Francisco ...Google+

http://www.youtube.com/channel/UC71hszXmkJVn_oOF8DYiL_w

https://twitter.com/francisfotoPRO

https://www.facebook.com/francisfotoPRO

https://www.instagram.com/francisfotopro

francisfotodigital@gmail.com

francisfotodigital@hotmail.com

francisfotopixel@sapo.pt

Aristóteles #1.jpg

ASAS DE LUTA

 

É nossa, não de agora, mas de um largo passado,
A culpa a que a outros culpamos este nosso fado;
Estes emproados e convencidos de cavalos alados,
Cavalgando ao vento, loucas vozes desenfreadas,
Como orgasmos profundos e no qual se ostentam,
Políticos de merda, que pela garganta rebentam
E que nada mais serão que equídeos sem moral...
Perissodáctilos, mas à rédea de certa inteligência
Àqueles que, de tão asnos serem e tão dominados,
Fazem parte de uma outra parelha... tais burros!
... Mas é tempo de perdermos toda essa paciência!
Acordem, assim, suas cavalgaduras, de freio à solta
E levantem essas ferraduras a quem vos maltrata,
Pois e por demais que sejam vastas as promessas,
Maior será o esquecimento após o dia àquela data
E que mais imundos serão futuros tais argumentos.
Derrotados serão, tais alados, em luta bem frontal,
Assim o queiras, numa outra estrada e à tua volta...
Tal que não seja pelo direito a qualquer violência,
Mas por uma legítima razão contra a inconsciência.

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

O MEU INFERNO

José Saramago #2.jpg

O MEU INFERNO

 

Ao contrário de algum suposto,
Não nasci nesse mês por gosto,
Sendo que, no ano, é o primeiro
E tão-pouco num berço de oiro;
Nasci lá bem atrás do sol-posto,
Não em quente mês de Agosto,
Mas num gélido dia de Inverno,
Que demais parecia um inferno.
Amadureci no passar do tempo,
No tropeço da vida, encontrões,
No meio de vigaristas e ladrões.
Sobrevivi a quem me afrontou,
Por escarpas, trilhos duvidosos,
De gente, rebanho de ranhosos,
Mas alcancei... erguido e limpo!
Hoje e chegado, pouco me apraz
O que neste mundo tanto se faz,
Tampouco o que para trás ficou,
Lutas que o tempo nos roubou,
... Pelo que são águas passadas
E, essas, não regam caminhadas.
Gostaria de voltar a ser menino,
Gatinhar, erguer-me da calçada,
Ficar de pé, envolto na esperança
E sedento de ilusões de um nada,
Naqueles sonhos de uma criança,
Que nos são de soberbo alimento,
De toque mágico e chamamento
E alvoraçado final de um destino.

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

ESTE MEU EGOÍSMO

Kurt Cobain.jpg

ESTE MEU EGOÍSMO

 

Gosto dos pobres e dos humildes, dos honestos,
De tudo o que de mais genuíno; gosto do vulgo...
Gosto de tudo ao que de mais inferior me julgo,
... Dos pedintes e miseráveis, dos mais confessos,
Daqueles que, de mim, bem mais diferentes são,
Pois são esses que se sobrepõem à minha razão;
De mim, nada me é devido... tanto que me odeio!
Gosto de mim, um tanto, mas só quando durmo!...
Quando acordo, sou o defeito, no pior dos defeitos
E na maior ilusão da perfeição dos meus conceitos;
... Tão horrível é esta minha forma, este meu jeito!
Ai, como eu sei o quanto, ou que nunca fui perfeito,
Embora, acima de tudo, por outro pente me penteio,
Pelo que, nesta imperfeição, sou neblina no fumo!...
E um dia, de madrugada, quando já nada mais tiver,
Saberei dar a razão, não a mim, mas a quem a colher...
Só então, tardiamente, sentirei o agridoce da solidão,
Todo o pesar nesta minha caminhada e de confusão...

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

ESTES DOIS LAGOS

francisfotoPRO - Fotografia / Fotógrafo Independente - Manuel Nunes Francisco ...Google+

http://www.youtube.com/channel/UC71hszXmkJVn_oOF8DYiL_w

https://twitter.com/francisfotoPRO

https://www.facebook.com/francisfotoPRO

https://www.instagram.com/francisfotopro

francisfotodigital@gmail.com

francisfotodigital@hotmail.com

francisfotopixel@sapo.pt

Nikon... internet.jpg


ESTES DOIS LAGOS

 

São, meus olhos, dois lagos
Neste corpo, um mar já seco,
Nalguma onda em rebento,
Águas de sal em sofrimento
E num murmúrio constante...
Soltas cascatas em precipício.
Nestas lágrimas, sabor a fel,
Neste mundo já sem espaço
E que maior é meu cansaço,
Perdida guerra sem quartel,
São, meus olhos, a voz fluida
A tudo quanto me circunda...
Nalguma de maior torrente,
Em minhas margens eu fico,
À margem dos bem-amados
E esconjurado por princípio...

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )
foto: Nikon/internet

TRISTE PERÍODO ELEITORAL...

Alianças....jpg

TRISTE PERÍODO ELEITORAL...

Haja alguém que me consiga explicar, -porque sou burro!!-, o seguinte: Passam-se 4, -QUATRO!!!-, anos, durante os quais ninguém sabe nada, anda tudo calado e só no período pré-eleitoral, tudo se sabe, se descobre, se aponta, se roubou, se trabalhou mal, se foi vigarista, incapaz... e os próximos, numa outra escolha, são os MELHORES!!??... A política, os políticos e mais os politiqueiros, os interesseiros, lambe-botas, os que "apontam" verdades, mas sem apresentarem provas físicas e concretas, reunindo a população à mesa com tais provas, são mesmo OVELHAS RANHOSAS, desejosas do poder e de nos FODER... DESCULPEM, a linguagem!!! Eu, que conheço essa merda por dentro e me afastei, por já não aguentar tanta sacanice e vigaristas, grito, BEM ALTO... PROCUREM A SOLUÇÃO, CUSPAM-LHES EM CIMA, quando os virem na rua!... TRISTEZA DE MUNDO, ESPEZINHADO POR TAL GENTALHA E SEM ESCRÚPULOS, PASSANDO UM ATESTADO DE ESTUPIDEZ AOS QUE NELES VOTAM...

( Manuel Nunes Francisco ©® )

MERECIDO MÉRITO...

A diferença....jpg

MERECIDO MÉRITO...

Neste país de acomodados e lambe-botas, Salvador e a irmã, veio-nos provar o quanto a fórmula do SUCESSO depende da simplicidade e da genuinidade de toda a obra que produzimos... O segredo, está na força e desempenho, na garra e convicção, na luta, assim como na pureza, sem seguir algo que se pensa ser o sucesso mais fácil. Provou, com este merecido MÉRITO, que se vai longe quando não seguimos os outros na nossa obra, - diga-se, maneira de ser!-, salientando, -eu!-, que teremos que dar valor à nossa estima e ser... no trabalho, nas artes, -sermos nós!-, na nossa LÍNGUA MATERNA, SEM ACORDOS ORTOGRÁFICOS, NO NOSSO ESTILO E CULTURA, -neste caso, musical!-, POIS E SÓ ASSIM, SEREMOS UM POVO SOBERANO! Que este exemplo do Salvador, seja um EXEMPLO para este país, principalmente para um povo que, na maioria, não o merece. PARABÉNS, Salvador, pela tua MERECIDA vitória e por tudo o que provaste!... QUE O FUTURO TE SEJA MERECIDO.

( Manuel Nunes Francisco ©® )

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D