Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

francisfotopoesiaeimagem

francisfotopoesiaeimagem

O ORGULHO

Explicações....jpg

O ORGULHO

 

O orgulho, é a injecção letal,
O veneno, o fim das relações,
É o fatal exame do sensorial,
Navegável perda das razões.

 

É o princípio de qualquer fim,
Quando nada existe para dar,
A maldade que tenho em mim,
Num desejo firme de enganar.

 

Orgulho, é o limite do absurdo,
Sentir, em que nada faz sentido,
Ser dor, sem nunca estar dorido.

 

O orgulho, é ouvir sendo surdo,
Procurar a existência da loucura
E tornar-se amigo de pouca dura.

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

ESTE REBANHO

francisfotoPRO - Fotografia / Fotógrafo Independente - Manuel Nunes Francisco ...Google+

http://www.youtube.com/channel/UC71hszXmkJVn_oOF8DYiL_w

https://twitter.com/francisfotoPRO

https://www.facebook.com/francisfotoPRO

https://www.instagram.com/francisfotopro

francisfotodigital@gmail.com

francisfotodigital@hotmail.com

francisfotopixel@sapo.pt

Margaret Thatcher.jpg

ESTE REBANHO

 

Somos este rebanho de carneiros,
Neste caminho certo da matança,
Presas, num aprisco de políticos,
Manjar, para lhes encher a pança.

 

Somos tudo, menos quem somos,
Neste corrupto mundo de alcateia,
Mentes embalsamadas, de lerdos,
... Pobre massa encefálica plebeia.

 

Chacais, desta e qualquer nação!...
Na fossa de toda a vossa verdade,
No espelho de toda a nossa razão,
Vive a vontade da nossa liberdade!

 

... E a vingança final será triunfal,
Quando a razão e o povo acordar
E que mais forte será a luta final,
Pelo que valerá a pena este lutar.

 

Que se cuidem todos os parasitas,
Quando os sábios partirem à luta,
Fartos das vossas ideias malditas
E vos apelarem de filhos da puta...

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

O EMBUSTE...

Fé vs Razão.jpg

O EMBUSTE...

 

Fátima, tão profética e doentia ilusão,
Assédio do absurdo e do maquiavélico,
De todos os embustes, o mais patético,
A galinha dos ovos de oiro, essa mina
De tantos os espertos e do real engano,
Tríade dos impostores e exploradores,
Dos idiotas e cegos, por cumplicidade...
Virgem, mãe do Redentor, o enviado,
Ou talvez a filha de Maomé, o profeta,
Agora escrava à vontade do Vaticano,
Nada mais tens que esta tua indecência
À hipocrisia de quantos e tanto te oram...
Aos teus quatro caminhos, o apalermado
Leva, no corpo, o masoquismo das dores,
Pois é essa e a única, a profética virtude
E, sem sombra de dúvida, a mais concreta
Dessa que é a sua estúpida e inculta sina.
... E sem a protecção da tua falsa profecia,
Sendo tudo fruto de uma mente doentia,
Serão alguns, dos teus fanáticos acólitos,
Aqueles que ficam pelas bermas, mortos,
Por tua culpa, sem a aclamada protecção,
Pois que a verdade é a tua inexistência,
Na criatividade de quantos te exploram...

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

PÁSCOA...

francisfotoPRO - Fotografia / Fotógrafo Independente - Manuel Nunes Francisco ...Google+

http://www.youtube.com/channel/UC71hszXmkJVn_oOF8DYiL_w

https://twitter.com/francisfotoPRO

https://www.facebook.com/francisfotoPRO

https://www.instagram.com/francisfotopro

francisfotodigital@gmail.com

francisfotodigital@hotmail.com

francisfotopixel@sapo.pt

Páscoa #3.jpg

PÁSCOA...

 

Pobre Cristo, naquilo que a crença te faz...
Seja por esse dia, tal momento de partida
E caminho, na direcção à Terra Prometida,
Ou tua impossível, imaginária ressurreição
Naqueles que mais te choram em adoração
E se o teu natal é sempre e no mesmo dia,
A tua morte, de tão e mais que estranho,
Numa tão irónica e sem explicação capaz,
Anda para a frente e para trás, manobrada
Ao proveito daqueles que de ti se servem
E nos enganam, numa estúpida confusão
Àquele teu sacrifício, sem menor perdão...
Como tudo isto é sacrilégio, real cobardia,
Certa e maliciosa falsidade... a mascarada!
... Como é possível tamanha perversidade,
Toda esta luxúria, em toda esta futilidade,
Destes teus devotos, mas falsos seguidores,
Que não passam de hipócritas e impostores
E que, se fortunas ostentam, a ti as devem!?
Pobre Cristo, que se teu amor foi tamanho,
Pior foi a paga que no teu tempo te deram
E neste futuro muito menos te mereceram...

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

ERAM TRÊS

francisfotoPRO - Fotografia / Fotógrafo Independente - Manuel Nunes Francisco ...Google+

http://www.youtube.com/channel/UC71hszXmkJVn_oOF8DYiL_w

https://twitter.com/francisfotoPRO

https://www.facebook.com/francisfotoPRO

https://www.instagram.com/francisfotopro

francisfotodigital@gmail.com

francisfotodigital@hotmail.com

francisfotopixel@sapo.pt

Aritmética.jpg

ERAM TRÊS

 

Eram três, mas não três da matina...
Eram três, sentados a qualquer mesa,
Numa esplanada de qualquer cidade,
Como se buscando qualquer verdade;
Duas mulheres, outro do sexo oposto,
Cada qual em sua variada maluqueira,
Na sua presumida ideia e pressuposto,
Em que tudo era individual e uníssono,
Cada qual por si e aberto jogo à defesa...
Não sendo noite, embora final da tarde,
Com duas taças de tinto e um das cinco,
Uns papéis por assinar, a ocupar espaço,
Eis que tudo se resolve e assim me fico
Num acompanhar de algumas entradas,
Nalgum bem servir e galantes palavras,
Cada qual entregue na sua ambiguidade.
Eram três, numa construtiva cavaqueira,
Falsa liberdade e tementes ao seu dono,
Sempre olhando ao redor e em surdina...
Eram três, tanto ao chegar, como ao partir
... E se de início ninguém sabia o que pedir,
No final foram três... para cada, um abraço.

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

ESTE MENINO...

David Luís.jpg

ESTE MENINO...

 

Quero que a vida te sorria,
O Sol te aqueça nessa agonia
E não órfão desta sociedade,
Que te esquece por vaidade.

 

Quero saber teu chamamento,
Saber-te sorrir neste momento
Nalguma infinita e doce ajuda,
De certa gente que tudo muda.

 

E que esse corpo de menino,
Hoje tão doente e franzino,
Te seja um futuro risonho...

 

Seja tudo o que mereças ser,
Que te esqueças deste sofrer
E que a vida te seja um sonho.

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

O MOMENTO

francisfotoPRO - Fotografia / Fotógrafo Independente - Manuel Nunes Francisco ...Google+

http://www.youtube.com/channel/UC71hszXmkJVn_oOF8DYiL_w

https://twitter.com/francisfotoPRO

https://www.facebook.com/francisfotoPRO

https://www.instagram.com/francisfotopro

francisfotodigital@gmail.com

francisfotodigital@hotmail.com

francisfotopixel@sapo.pt

Máquina do tempo.jpg

O MOMENTO

 

O momento, é simplesmente este,
Perdido no saber de qualquer Norte,
Nem tampouco definido Oeste;
O momento, é esta vida que me deste...
Não interessa se é muita, ou pouca sorte,
Nalgum desabafo, mesmo que forte...
O que interessa, é este momento,
Em alegria, ou num lamento...
O momento, é o caminho que escolhemos,
Mesmo que por agrestes rochas da montanha,
É o alimentar de qualquer façanha,
Nos variados trilhos em que nos aventurámos...
O momento, é a chegada e partida do tempo,
O questionar do que melhor nos resta
Naquilo que nunca tivemos coragem;
É o derradeiro espreitar na fresta,
Impelidos na nossa malandragem,
O escapulir à lamina e ao cepo...
O momento, é tão simplesmente o momento...
O reflexo da liberdade... a chave do encarceramento!

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D